Notícias

0
Nova parceria ePharma – EDS :

Fundada em 1999 por profissionais e empresas da área de saúde, a ePharma é uma empresa concebida a partir do conceito PBM (Pharmacy Benefit Management) e focada na moderna gestão da assistência farmacêutica, integrando benefícios e ações ligadas à saúde.

A ePharma constituiu uma rede com as melhores farmácias e drogarias do país, conectadas a um sistema autorizador, operando em tempo real, suportado por poderoso banco de dados, permitindo às empresas o gerenciamento de benefícios de medicamentos com segurança, eficiência e informação, racionalizando recursos. As informações armazenadas e o conhecimento diferenciado estruturam projetos de prevenção e promoção da saúde.

As competências desenvolvidas pela ePharma têm contribuído para aumentar o acesso a medicamentos em nosso país. Através do modelo, diferentes instituições têm incorporados programas que racionalizam o acesso a medicamentos, quer seja o setor público, as empresas como benefício, e as indústrias farmacêuticas, através de programas de facilitação e fidelização aos seus produtos.

As bases do sucesso da ePharma são suportadas e mantidas por seus quatro pilares fundamentais: (1) abrangência e qualidade da rede de farmácias credenciadas; (2) relacionamento consistente com a indústria farmacêutica para constituição de lista de medicamentos; (3) domínio da tecnologia para atuar com soluções flexíveis e com alto desempenho e disponibilidade, e (4) conhecimento suportado pela qualidade do capital humano.

www.epharma.com.br

André François faz palestra no festival Foto em Pauta, em Tiradentes (MG) Convidado pela revista Fotografe Melhor, o fotógrafo fará parte do evento, falando de seu trabalho, além de lançar o livro Expedicionários da Saúde Entre as atrações desse ano do 4º Foto em Pauta, festival de fotografia realizado na cidade mineira de Tiradentes, está a palestra do paulistano André François. Convidado pela Revista Fotografe Melhor, o fotógrafo irá conversar com o público sobre seu trabalho documental feito no Brasil e no mundo ao longo dos anos. Com um documentário mundial em andamento, o Projeto Vida, André falará de sua experiência em fotografar questões de acesso à saúde e qualidade de vida em países como Haiti, Camboja, Japão, Quênia, Moçambique, Lesoto, Ruanda, China, entre outros. A palestra acontece no sábado, dia 29/03, às 13h30, no Centro Cultural Yves Alves. Não há necessidade de inscrição e a entrada é gratuita, limitada…

Source: www.imagemagica.org.br/portal/index.php/andre-francois-faz-palestra-no-festival-foto-em-pauta-em-tiradentes-mg/

Entre os dias 13 e 16 de fevereiro, os Expedicionários da Saúde Dr.Fabio Costa, Dr. Siro Nozaki, Ana Paula Alves e Genaro Filho, estiveram no Polo Base Leonardo que receberá a 28ª expedição da EDS, para capacitar agentes de saúde indígenas e enfermeiros locais que irão apoiar o trabalho de triagem dos pacientes cirúrgicos, que serão atendidos durante o período de 12 a 20 de abril. — em Parque Indígena do Xingu

Com a ajuda de expedicionários, amigos, e amigos de amigos, conseguimos hoje atingir nossa meta de 30 mil reais arrecadados no Catarse! Muito obrigado a todos que nos ajudaram com suas doações e compartilhando nossos posts!
Continuaremos mantendo a todos informados sobre os próximos passos da nossa jornada ao Xingu. Acompanhem-nos!

Meninos de 10 e 12 anos foram atacados por cobras no Vale do Javari, AM. Eles foram atendidos por grupo de médicos voluntários de Campinas, SP.

Source: g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2013/11/criancas-indigenas-viajam-44-mil-km-para-receberem-proteses-de-pernas.html

Desde de 2012 a Pfizer tem patrocinado a logística das expedições cirúrgicas e clinicas dos EDS, apoiando na infraestrutura local das Comunidades Indígenas, bem como no transporte de carga, passagens e hospedagem para a equipe médica e logística, combustível para transporte de pacientes, alimentação dos indígenas e das equipe de saúde . 

Lembrando que os benefícios em infraestrutura gerados para as expedições, significarão posteriormente, benefícios efetivos para as comunidades beneficiadas, onde serão utilizados para escolas e locais de encontros culturais e reuniões das lideranças indígenas 

PFIZER
Há mais de 150 anos no mundo e 60 anos no Brasil, a Pfizer tem como propósito inovar para proporcionar aos pacientes tratamentos que melhorem significativamente suas vidas. Esta preocupação é traduzida pelo amplo pipeline e portfólio da companhia, que abrange diferentes áreas como câncer, dor, saúde da mulher, prevenção de enfermidades em crianças e adultos, infecções, doenças autoimunes, depressão, multivitamínicos, entre outras. Isso significa investir cerca de US$ 7 bilhões por ano no desenvolvimento de novos medicamentos e trabalhar com mais de 250 parceiros, entre universidades e centros de tecnologia, buscando a inovação e também a ampliação do alcance da população aos seus tratamentos. A cada dia, a Pfizer mantém sua missão e seus valores, trabalhando para fazer a diferença na vida das pessoas e contribuindo com a comunidade por meio de suas iniciativas sociais.


Para conhecer melhor o trabalho da Pfizer acessem :
http://www.pfizer.com.br/

Ricardo Affonso Ferreira s’invite depuis plus de dix ans dans les territoires les plus reculés du Brésil pour soigner les populations indigènes avec son hôpital éphémère.

Source: www.lemonde.fr/ameriques/article/2013/09/26/bresil-un-medecin-au-secours-des-populations-indigenes-isolees_3485246_3222.html

Equipe realiza cirurgias e consultas médicas em Surucucus até o dia 14. Hospital de campanha foi montado para atendimentos de indígenas.

A Associação Expedicionários da Saúde está em Roraima e realiza desde o último dia 6 atendimentos na região de Surucucus, na Terra Indígena Yanomami. Um hospital de campanha foi montado próximo ao 5º Pelotão Especial de Fronteira do Exército para a realização de cirurgias e consultas médicas. Os profissionais de saúde permanecem na área até o próximo sábado (14).

Qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), a associação reúne médicos voluntários de vários lugares do país em expedições que levam medicina especializada, principalmente atendimento cirúrgico, às populações indígenas da Amazônia brasileira.

A equipe dos Expedicionários da Saúde conta com anestesistas, cirurgiões, oftalmologistas, ortopedistas e dermatologistas que realizam cirurgias de catarata, hérnia umbilical e outros pequenos procedimentos cirúrgicos. Ao todo, estão previstos pelo menos 3 mil atendimentos médicos, além de cerca de 150 cirurgias.

Mais de 60 voluntários, entre médicos e enfermeiros, estão envolvidos na ação. Além disso, pelo menos 80 servidores do Distrito Sanitário Especial Indígena Yanomami (Dsei-Y) atuam no apoio aos atendimentos médicos.

Durante três meses, agentes de saúde fizeram uma triagem nos 37 pólos-base que prestam atendimento na região Yanomami. Com base nas informações coletadas foi realizado um levantamento das principais necessidades dos indígenas.

Para a montagem do hospital de campanha na área indígena, aviões da Força Aérea Brasileira transportaram pelo menos 12 toneladas de equipamentos. O Centro de Convivência Indígena de Surucucus, construído pela Fundação Nacional do Índio (Funai) em Roraima, também é utilizado pelas equipes como enfermaria, farmácia, ambulatório e sala de pré e pós operatório. A nova unidade foi inaugurada na sexta-feira (6).

De acordo o coordenador da Frente de Proteção Yanomami e Yekuana, João Catalano, a ação facilita o acesso dos yanomami a esses tipos de atendimento. “Os índios não gostam de sair da comunidade para serem atendidos na cidade, porque isso demanda muito tempo. Além da dificuldade de acesso à região, que só é feito por via aérea. Com isso eles contam com serviços que dificilmente chegariam a uma área tão isolada”, ressaltou.

Fonte:
http://g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2013/09/expedicionarios-da-saude-atendem-indios-yanomami-em-roraima.html

Equipe realiza cirurgias e consultas médicas em Surucucus até o dia 14. Hospital de campanha foi montado para atendimentos de indígenas.

Source: g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2013/09/expedicionarios-da-saude-atendem-indios-yanomami-em-roraima.html


Yanomami fazem intercâmbio sobre boas práticas de coleta de castanha na Terra Indígena Wai-Wai

Trabalho incluiu uma visita aos castanhais e coleta coletiva. Yanomami adquiriram mudas de variedades de plantas de roça, como macaxeira, mandioca brava e flecha

Source: www.socioambiental.org/pt-br/noticias-socioambientais/yanomami-fazem-intercambio-sobre-boas-praticas-de-coleta-de-castanha-na-terra-indigena-wai-wai